Textos


“CUIDADO COM O ENDURECIMENTO DO CORAÇÃO”
 

“Não endureçais os vossos corações...” (Sl 95.8a)
 


O significado do endurecimento dos corações na Bíblia é: Uma dureza impenetrável. É perder toda sensibilidade de entender a Deus, é perder a sensibilidade da grandeza de Deus, é perder a sensibilidade da reverência das coisas sagradas, é perder a sensibilidade de se arrepender dos pecados e aceitar a salvação, é perder a sensibilidade pela Palavra de Deus não se sujeitando ao seu aprendizado, enfim, é ser uma pessoa insensível.
 

O salmista exorta para não endurecer o coração como Israel endureceu quando lhes faltou água. Em Exôdo 17.1-7 nos relata a história completa, vemos no vers.1- Eles estavam viajando e muito exaustos, vers.2- Começaram a contender com Moisés pedindo-lhe água, vers.3- Murmuravam e reclamavam, vers.4- Moisés clama ao Senhor, vers.5- Deus ordena Moisés passar a frente do povo e chamar alguns dos anciões de Israel e pegar a vara, vers.6- Deus promete estar com Moisés e lhe ordena para ferir a rocha e assim ele fez e saiu água diante daquele povo de coração endurecido, vers.7- O nome daquele lugar até mudou para Massá e Meribá, porque o povo contendeu e tentaram o Senhor.
 
Não endureçais os vossos corações como em Meribá e como no dia da tentação no deserto. Quando vossos pais me tentaram, provaram-me e viram a minha obra. (Sl 95.8-9).
 
Em nossos dias não está nada diferente dos dias antigos, pois são muitos dentro das igrejas com os seus corações endurecidos pelo ódio, pela a soberba, pelo adultério, pela fornicação, enfim, por todos os pecados citados em Marcos 7.21-23, I Co 6.10; Gálatas 5.19-21. Não importa que sejam membros ativos da igreja, que pregam, cantam, contribuem que tem cargos proeminentes, que são parentes de grandes homens de Deus, mas se estão com os corações endurecidos perecerão certamente! O coração endurecido não perdoa, não reconcilia, não se humilha, quer subir, mas não quer descer. O coração endurecido briga na igreja, briga na rua, briga em casa com a sua família. Quem tem o coração endurecido não tem temor a Deus e nem mesmo a sua Palavra, por isso adultera, anda de qualquer maneira, se traja com vestes indecentes, traz escândalos aos seus vizinhos, traz vergonha para o seu Pastor e para a sua igreja. O culto pode estar cheio de poder, mas quem tem coração endurecido está frio e duro como uma pedra, os outros choram, e ele fica seco, os outros recebem bênçãos e ele recebe fraqueza, frieza e muitos prejuízos. Mas por quê? A resposta está aí “CORAÇÃO ENDURECIDO”. Não adianta murmurar e contender com Deus, é o que Jó disse: Ele é sábio de coração, e forte em poder; quem se endureceu contra ele, e teve paz? (Jó 9.4). O coração endurecido não sente a presença de Deus, não se preocupa com a vida espiritual, o negócio é só dinheiro, materialismo, viagens, prazeres e Deus nada! Mas no Novo Testamento o Senhor continua falando conosco, vejamos: Não endureçais os vossos corações, Como na provocação, no dia da tentação no deserto. Onde vossos pais me tentaram me provaram, E viram por quarenta anos as minhas obras. Por isso me indignei contra esta geração, E disse: Estes sempre erram em seu coração, E não conheceram os meus caminhos. Assim jurei na minha ira Que não entrarão no meu repouso. Vede, irmãos, que nunca haja em qualquer de vós um coração mau e infiel, para se apartar do Deus vivo.Antes, exortai-vos uns aos outros todos os dias, durante o tempo que se chama Hoje, para que nenhum de vós se endureça pelo engano do pecado; Porque nos tornamos participantes de Cristo, se retivermos firmemente o princípio da nossa confiança até ao fim. Enquanto se diz: Hoje, se ouvirdes a sua voz, Não endureçais os vossos corações, como na provocação. (Hb 3:8-15).
 
Deus detesta coração endurecido, pois lhe desafia, desmente e se rebela contra aas suas ordens, mas Ele se agrada dos corações quebrantados (Sl 51.17) e ainda fica bem perto deles (Sl 34.18). Quantos com os corações endurecidos na hora da pregação, zombam do pregador, ridicularizam as palavras sagradas que o Senhor está colocando na boca dos seus servos! Que perigo! Os tais não sabem que perigos estão correndo, pois na hora da pregação o Espírito Santo está falando conosco, é o que diz o escritor aos Hebreus: “Determina outra vez um certo dia, Hoje, dizendo por Davi, muito tempo depois, como está dito: Hoje, se ouvirdes a sua voz, Não endureçais os vossos corações. (Hb 4.7). Os crentes de corações endurecidos não dão os seus dízimos, não ofertam com amor, não ajudam em nada na igreja e se ajudam, reclamam, querem se aparecer, querem que anunciemos o seu nome, querem cargos em troca, são corações de pedra! Nada de bom recebem aqueles que têm corações endurecidos, não prosperam, não saem do lugar, são crentes bibelôs, são crentes estátuas, são múmias não do Egito, mas sim de igrejas! Deus quer dar a vida para os tais, mas eles rejeitam ouvir a voz do Espírito Santo, é lamentável! O sábio Salomão nos diz: Bem-aventurado o homem que continuamente teme; mas o que endurece o seu coração cairá no mal.” (Pv 28.14). Jesus Cristo lembrou-se da profecia do profeta Isaías acerca do coração endurecido do povo Judeu (Mt 13.14-15), mas Ele vê tantos corações endurecidos no ministério, pois há obreiros traidores, falam mal do seu Líder, criticam o seu Pastor, ajuntam panelinhas de crentes rebeldes contra o ungido de Deus, os tais são obreiros maus e destes Paulo aconselha que devemos nos guardar (Fl 3.2). O apóstolo Paulo também recordou desta profecia quando pregava a palavra de Deus aos Judeus, alguns não criam em sua pregação, tudo para se cumprir a palavra profética de Isaías. (At 28.17-31). O coração endurecido não aceita doutrina, não admite pregar contra o seu pecado, pois já perdeu o amor a Deus, aos outros e a si próprio, está cego completamente! Quem tem o  coração endurecido não compreende os milagres de Jesus (Mc 6.52; Jo 12.37-40), são tantos pastores que se dizem Pentecostais que não acreditam mais nos dons espirituais, os seus cultos parecem missas, não tem poder, não tem unção de Deus, não oram mais para Jesus operar milagres e curas, estão com os corações endurecidos! É chegada a hora de pedirmos a Deus para quebrantar os nossos corações para adorarmos ao Senhor em espírito e em verdade. É chegada a hora de pedirmos a Deus para consumir toda pedra em nossos corações, mas nós temos de fazer a nossa parte, pois a ordem expressa do Senhor é: TIRAI A PEDRA (Jo 11.39).
 
Quebranta-me Senhor!
 
Domingo, 26 de janeiro de 2014.

 
26/01/2014.
 
04h56min.
 
Autor Pr Marcelo Gonçalves
Escritor de Deus
Enviado por Escritor de Deus em 26/01/2014
Alterado em 26/01/2014

Música: HINO "SENHOR EU SEI QUE TU ME AMAS" - instrumental

Copyright © 2014. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários